19/07/2021 10h15

Governador assina Ordem de Serviço e visita obras de macrodrenagem em Vila Velha

O Governo do Estado segue realizando o maior investimento da história no município de Vila Velha. Neste sábado (17), o governador Renato Casagrande assinou a Ordem de Serviço para obras de galerias de macrodrenagem no bairro Cobilândia. Além disso, foi anunciado o projeto para construção da galeria-dique e Parque Linear do Canal Marinho, incluindo Sistema de Comportas. O investimento total é de R$ 47,7 milhões nas duas intervenções. Casagrande também visitou as obras de Estação de Bombeamento de Águas Pluviais (EBAP’S) que estão sendo realizadas no município.

“Desde meu primeiro mandato eu vinha buscando um projeto que resolvesse o problema da macrodrenagem em Vila Velha e Cariacica. Todo esse investimento é com recursos do Governo do Estado. Para nós, fazer essas obras é transformar a vida das pessoas. Quando você tira o alagamento e urbaniza o local, você leva qualidade de vida para as pessoas, que começam a melhorar seus imóveis, e qualifica a região. Estamos dando um salto para o futuro nessas duas cidades”, afirmou o governador.

Casagrande destacou ainda a importância dessas obras para os moradores. “Estamos enfrentando com audácia um problema que nunca foi enfrentado antes. Para que possamos melhorar a vida dessas pessoas. O trabalho muda a vida das pessoas. É o que estamos fazendo aqui, mudando a história dessa região”, pontuou.

O prefeito de Vila Velha, Arnaldinho Borgo, ressaltou o compromisso do Governo do Estado na melhoria da qualidade de vida da população. “Quero parabenizar o governador que está enfrentando o problema dos alagamentos de Vila Velha. A união dá resultado e hoje temos seis novas estações de bombeamento somente em Vila Velha. Queremos que o Governo do Estado venha e invista em Vila Velha. Se está difícil investir em outros município, então, venha investir em Vila Velha. Nossa cidade é a que mais ganha investimentos do Governo do Estado”, disse.

Além do município canela-verde, os investimentos também beneficiam a cidade vizinha, Cariacica. “Essas obras estão mudando a cara de Cariacica. Queria agradecer ao governador pela parceria com o nosso município e pelos investimentos que estamos realizando juntos. Cariacica precisa de cuidado e, em parceria com o Governo do Estado, estamos cuidando de cada pedaço dessa cidade”, apontou o prefeito Euclério Sampaio, também presente à solenidade.

Participaram ainda os secretários de Estado Tyago Hoffmann (Inovação e Desenvolvimento) e Coronel Aguiar (Casa Militar); o deputado estadual Rafael Favatto; o diretor-presidente da Companhia Espírito-Santense de Saneamento (Cesan), Carlos Aurélio Linhalis, o Cael); além de vereadores e lideranças dos dois municípios.

Obras

Com investimento de R$ 11.698.382,22, as obras das Galerias nas Avenidas Pedro Gonçalves Laranja, João Francisco Gonçalves, Primeira Avenida e as Galerias Fluviópolis e Brasilândia, beneficiam diretamente a população de toda a região. As galerias projetadas, além de funcionar como reservatórios de acumulação, também têm a função de transportar as águas de chuva para as EBAP´s Cobilândia e Marilândia.

“Essas galerias são de extrema importância, pois permitirão que as águas que se acumulam na Avenida Carlos Lindenberg, na descida da 2ª Ponte, e que impedem o fluxo para Vitória e Centro de Vila Velha, sejam drenadas para serem bombeadas pelas estações de bombeamento Cobilândia e Marilândia, evitando os alagamentos que ocorrem nessa região”, explicou o secretário de Estado de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano, Marcus Vicente.

As galerias serão executadas nas Avenidas Pedro Gonçalves Laranja, João Francisco Gonçalves e Primeira Avenida. Terão uma extensão total de 1.520 metro, com seções variando de 2,5 x 1,5 m e 3,00 x 2,00 m. A galeria nas Ruas Fluviópolis e Brasilândia, terá a extensão de 500 metros e dimensões de 3,0 m x 2,0 m.

Além disso, foi anunciado o projeto para construção da galeria-dique e Parque Linear do Canal Marinho, incluindo Sistema de Comportas, com investimento de R$ 36.089.971,79. A galeria-dique foi projetada sobre a calha do Canal Marinho, com paredes elevadas em relação à cota da rua e largura de 13,10 metros, em concreto armado, aumentando a capacidade de drenagem, escoando suas águas de forma mais eficiente para a EBAP Marinho e, consequentemente, para a Baía de Vitória, além de conter as águas provenientes do Córrego Campo Grande dentro de sua calha, evitando seu transbordamento para os bairros lindeiros.

Junto à galeria-dique, será construído um Parque Linear, implantado em sua margem direita, sobre a Galeria Marilândia e entre as EBAPs Cobilândia e Marilândia. Também serão executadas galerias de drenagem nas avenidas marginais ao canal, para condução dessas águas para a Galeria Marilândia.

“A obra vai melhorar a capacidade de drenagem do canal, escoando as águas com mais eficiência para a estação de bombeamento de águas pluviais Marinho em direção à Baía de Vitória. Já a obra do Parque Linear, proporcionará a melhoria da qualidade de vida da população, com a criação de espaços para lazer e esportes. Também beneficiará a mobilidade urbana, com a construção de calçadão e ciclovia que interligará a Avenida Carlos Lindenberg ao Corredor Leste-Oeste”, complementou Marcus Vicente.

Todas as EBAP’S são operadas de forma integrada por um sistema automatizado, controlado por um centro de operação localizado na Rodovia Darly Santos, e os comandos podem ser feitos por meio de celular pelo operador. As EBAP’s têm automação local própria, que permite seu controle sem a necessidade de operador.

Ainda durante a agenda, o governador Renato Casagrande deu Ordem de Serviço para as obras de reconstrução da Ponte sobre o Rio Aribiri e da Travessa da Arara, importantes ligações entre os bairros de Vila Velha. As obras serão executadas pelo Departamento de Edificações e de Rodovias (DER-ES).

A reconstrução da Ponte sobre o Rio Aribiri, que liga os bairros Cobilândia e Rio Marinho, é necessária porque a construção original tem cerca de 40 anos. O local onde está instalada a ponte teve um aumento considerável de tráfego, bem como houve também o envelhecimento natural da estrutura. A nova ponte será em concreto armado com vigas protendidas e vai custar R$929.309,04. A ponte, que terá 15 metros de extensão, tem um prazo de execução de 300 dias.

A reconstrução da Travessa da Arara passa sobre o Rio Aribiri, ligando o bairro Jardim Marilândia ao eixo viário da Rodovia Carlos Lindenberg. A estrutura vai ser construída em concreto armado com vigas protendidas pré-moldadas e terá 12 metros de extensão. Os passeios terão largura de 2 metros e a faixa destinada à pista de rolamento terá 6,8 metros. O investimento do Governo do Estado é de R$ 540.642,64 e o prazo de execução é de 300 dias.

Para o diretor-presidente do DER-ES, Luiz César Maretto, as obras são sinônimo de progresso para o município de Vila Velha. “As comunidades contempladas com essas obras esperam há muito tempo uma atitude das autoridades. O governador Casagrande está agora dando a devida atenção a essas demandas, que vão impactar diretamente na vida dos moradores”, ressaltou.

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação do Governo
Giovani Pagotto
(27) 98895-0843

Assessoria de Comunicação da Sedurb
Fernanda Magalhães
(27) 3636-5002 / 99661-7588
fernanda.magalhaes@sedurb.es.gov.br

Assessoria de Comunicação do DER-ES
Flávia Pimentel Simões / Marília Vieira
(27) 3636-4404 / 99943-7470
flavia.simoes@der.es.gov.br / comunicacao@der.es.gov.br 

 

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard