19/06/2020 12h15 - Atualizado em 19/06/2020 13h54

Equipes do DER e IPEM fazem aferição de radares

Equipes do DER e IPEM fazem aferição de radares

A aferição é feita a cada 12 meses, conforme a Resolução nº 396/2011 do Contran.

Equipes do Departamento de Edificações e Rodovias do Espírito Santo (DER-ES) e do Instituto de Pesos e Medidas (IPEM-ES), órgão responsável pela aferição de radares, estão trabalhando em conjunto nas aferições dos Equipamentos de Fiscalização Eletrônica -  conhecidos pela população como radar- instalados em rodovias estaduais que cortam o Estado. São 148 Equipamentos no total.

Cada equipamento precisa de aferição a cada 12 meses, conforme resolução nº 396/2011 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). Entretanto, devido à quantidade de radares implantados, todos os meses existem equipamentos que estão completando esse prazo e precisam ser aferidos.

“Nos últimos três meses os técnicos dos dois órgãos aferiram cerca de 50 radares e foram instalados cinco novos equipamentos, sendo dois na Rodovia do Sol, em Itaparica, outros dois em Nova Venécia, na ES 137, próximo ao Posto Dois Irmãos, na ES 381, na Curva do Curtume e o quinto equipamento na ES 482, no bairro União, em Cachoeiro de Itapemirim”, disse o Gerente de Operações do DER, Vitor Kifier.

Nesta semana, um dos locais onde as equipes estiveram foi na Rodovia Norte/Sul, no cruzamento com a avenida João Palácio, no Bairro de Fátima, na Serra. Neste caso, as equipes contaram com o apoio do Batalhão de Trânsito da Policia Militar (BPTran) e da Guarda Municipal do município.

Durante cerca de dez minutos o trânsito foi paralisado no local para que um veículo do IPEM fizesse a passagem diversas vezes pelo radar, enquanto técnicos com um cronotacômetro – aparelho padrão que mede a velocidade e a distância do veículo e a compara com a velocidade registrada no radar - fazem a aprovação do equipamento, que naquela via é de 60 quilômetros por hora.

“Realizamos o trabalho em todos os 148 equipamentos, junto com a equipe do IPEM, para que o monitoramento do trânsito seja mais seguro para os motoristas no controle de velocidade, parada sobre a faixa de pedestres e o avanço de sinal, que são os tipos de infrações registradas por nossos equipamentos”, afirmou Rodrigo Nóbrega, Diretor de Operações e e Manutenção de Infraestrutura Logística do DER.


Informações à Imprensa:

Assessoria de Comunicação do DER-ES

Flávia Pimentel Simões / Felipe Mansur Valinho

(27) 3636-4404 / 99943-7470 / 99929-8211

felipe.valinho@der.es.gov.br/ flavia.simoes@der.es.gov.br

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard